BLOG DA LIBÉLULA

Poder pessoal: por que é importante e como aprender a desenvolvê-lo

poder pessoal
Image by Freepik

Já ouviu falar sobre poder pessoal? É a capacidade de desenvolver uma mentalidade onde somos atores de nossa própria vida, assumindo nossas responsabilidade e desejos. Esse conceito abrange muitas habilidades, entre elas a construção de uma força interna para explorar todo o seu potencial. Parece abstrato demais? A seguir, vamos entender mais concretamente o que é poder pessoal e como isso pode ser um divisor de águas na forma como você conduz a sua vida.

O que é poder pessoal e por que ele é importante?

O poder pessoal é a capacidade interna de uma pessoa de influenciar a si mesma, aos outros e ao mundo ao seu redor. Ou seja, é a habilidade de tomar decisões conscientes, agir com confiança e assumir a responsabilidade pelas suas ações. Em outras palavras, saber explorar seu poder pessoal é tomar as rédeas da própria vida.

Quais fatores influenciam o poder pessoal?

O poder pessoal é influenciado por vários pilares essenciais, entre eles o amor próprio e a autoconfiança. Quando o poder pessoal está bem equilibrado, você consegue: 

  • Ter força de vontade e partir para a ação, sempre alinhada com os objetivos que está buscando.
  • Acreditar no seu potencial e nas suas qualidades únicas. Você sabe que carrega um diferencial e sabe o seu valor.
  • Ser perseverante para conseguir alcançar o que deseja. Mesmo quando desanima, consegue retomar as atividades, pois sabe que elas possuem um propósito maior.
  • Transparecer confiança e inspirar outras pessoas. A sua presença solar faz com que outras mulheres a admirem.
  • Saber que é merecedora de tudo de positivo que acontece em sua vida. Tem consciência de que merece colher os frutos do seu empenho. 

Como saber se preciso desenvolver meu poder pessoal?

Muitas mulheres possuem o poder pessoal desequilibrado. Isso quer dizer que enfrentam dificuldades ao:

  • Impor limites, e também se impor diante de diversas situações, expondo o que pensam. Têm medo de dizer “não”.
  • Cumprir com as tarefas, mesmo que elas estejam ligadas ao bem-estar e qualidade de vida.
  • Ter disciplina e persistência para alcançar objetivos no médio e longo prazo. Acabam desanimando e deixando para trás.
  • Ter autocontrole sobre as decisões, sabendo fazer escolhas e colocar na balança o que é mais vantajoso.
  • Saber valorizar seus talentos e habilidades. Muitas vezes, sentem-se perdidas e não valorizam suas competências e saberes acumulados ao longo da vida.

Mulheres com baixa autoestima podem aprender a desenvolver esse poder pessoal, e assim melhorar a forma de agir, pensar e se posicionar. Com as ferramentas e acompanhamento certo, é possível recuperar essa confiança e entender que todas as escolhas que faz são suas, e terão consequências. 

O poder pessoal é a própria capacidade da mulher de agir buscando a sua transformação pessoal.

Formas de desenvolver o poder pessoal

Existem muitas formas de desenvolver o poder pessoal, pois ele é um conjunto de habilidades. Para recuperar sua força interna, experimente:

Lidar com a noção de validação

Muitas vezes oferecemos o nosso próprio poder pessoal para outra pessoa. Isso acontece quando deixamos alguém decidir por nós, quando não conseguimos nos impor diante de algo, ou não sabemos exercitar nossa autoridade. 

Quando esse tipo de situação ocorrer, é importante se perguntar: você tem medo de quê?  Por que não faz o que deseja, realmente? Por que precisa da validação de outra pessoa?

Provoque a reflexão para entender o que está por trás dessa validação, que faz com que seu poder pessoal fique apagado. É preciso reconhecer suas próprias aspirações e vontades, pois elas são legítimas. Afinal, ninguém pode decidir por você! 

Conseguir enxergar quando é preciso mudar

O conformismo e a zona de conforto são os grandes inimigos do poder pessoal. Muitas vezes, ficamos em uma posição submissa por um longo período. Decidimos continuar a repetir padrões, a trabalhar com o que não gostamos, a ver pessoas que não admiramos, a estar em um ambiente que não nos corresponde. Até que o tempo passa e a situação se torna insustentável. 

Ironicamente, o que chamamos de “zona de conforto” é, na maioria das vezes, fruto de grande incômodo e descontentamento. 

Conseguir perder o medo da mudança e enxergá-la como uma necessidade é fundamental para assumir o papel principal que você possui na sua vida. Saber agir, criando um plano de ação rumo a novas perspectivas é uma das formas de sair da inércia.

Entender como a energia masculina e feminina influenciam nosso potencial 

Outra forma de ativar seu poder pessoal é entender como a energia masculina e feminina se manifestam. 

  • A energia masculina é ligada ao “fazer”. Ela controla e dirige, sendo fundada na ausência do medo. É o impulso para agir e encarar os riscos. Exemplo: tomar coragem de viajar e vivenciar experiências novas, de mudar de cidade, ou país. O plano sai do papel e torna-se real.
  • A energia feminina diz respeito ao “ser”. Ela é o estado interior e as vibrações que emitimos. Essa energia está ligada à nossa vida espiritual, inconsciente, pensamentos e sentimentos. É como percebemos nossos desejos internos, o que vem de dentro, e como eles são reflexos da nossa essência.    

Dicas para ativar seu poder pessoal

  • Explorar seus desejos e vontades;
  • Questionar-se sobre as suas crenças limitantes e padrões;
  • Refletir sobre os medos e bloqueios que possui;
  • Expandir sua consciência ao experimentar novas possibilidades;
  • Acreditar nas suas percepções;
  • Escutar suas emoções e perceber quais delas estão “escondidas” ou bloqueadas.

Precisa de ajuda para desenvolver seu poder pessoal? Tem dificuldade em enxergar com clareza o que precisa mudar? 

76 / 100
plugins premium WordPress